Pós-Graduação em Enfermagem de Saúde Familiar

Apresentação do curso

As transformações na sociedade portuguesa nas últimas décadas implicaram significativas mudanças na estrutura e na organização familiar, com novas estruturas familiares demarcadas da estrutura tradicional, exigindo competências acrescidas por parte de quem tem como missão dar resposta às suas necessidades em cuidados de saúde. Concomitantemente, a reforma dos cuidados de saúde primários é uma realidade e emergem novas necessidades formativas.
A figura do Enfermeiro de família emerge com competências acrescidas, considerando a família como foco de cuidados. A análise da estrutura, desenvolvimento e funcionalidade da família e intervenção ajustada às necessidades identificadas na família como unidade de cuidados requerem conhecimentos e competências que permitam a avaliação e intervenção autónoma do enfermeiro.
A família como alvo de cuidados numa crescente centralidade nos sistemas e cuidados de saúde é enfatizada nas diretrizes da OMS, na Ordem dos Enfermeiros expressas no Enquadramento Conceptual e Padrões de Qualidade dos Cuidados de Enfermagem e no Plano Nacional de Saúde 2011-2016 onde se reafirma as estratégias centradas na família e no ciclo de vida, na gestão da doença ou enfermidades, para se obter ganhos em saúde. Não obstante o Decreto-Lei n.º 118/2014 estabelece os princípios e o enquadramento da atividade do enfermeiro de família no âmbito das unidades funcionais de prestação de Cuidados de Saúde Primários, nomeadamente nas Unidades de Saúde Familiares (USF) e Unidades de Cuidados de Saúde Personalizados (UCSP). Daí que neste paradigma surge a necessidade da criação da Pós-Graduação em Enfermagem de Saúde Familiar para os enfermeiros das USF e UCSP, adquirirem competências específicas em Enfermagem de Saúde Familiar.
A organização do Curso obedece ao estipulado no Regulamento nº 348/2008 de 1 de julho, o qual estabelece os princípios reguladores da aplicação do sistema europeu de transferência de créditos (EuropeanCreditTransferSystem – ECTS) à formação ministrada pelo Instituto Politécnico de Viseu (IPV).
O curso de Pós-Graduação em Enfermagem de Saúde Familiar, encontra-se Acreditado pela Ordem dos Enfermeiros, tendo-lhe sido atribuídos 3,5 Créditos de Desenvolvimento Profissional (CDP).

Objetivos

O Curso de Pós-Graduação em Enfermagem de Saúde Familiar visa dotar os enfermeiros de competências que lhes permitam cuidar das famílias ao longo do ciclo vital, em todas as fases de desenvolvimento, nos momentos de transição e em momentos de particular vulnerabilidade/crise.
O Curso de Pós-Graduação em Enfermagem de Saúde Familiar tem com objetivo geral desenvolver competências científicas, relacionais, técnicas e éticas adequadas à prestação de cuidados evidenciando o papel do enfermeiro integrado nas diferentes unidades funcionais de CSP e direcionado para a prestação de cuidados de enfermagem globais a famílias, em todas as fases da vida e em todos os contextos da comunidade, nomeadamente:
Compreender os referenciais e fundamentos teóricos da Enfermagem de Família;
Desenvolver uma visão sistémica do funcionamento familiar;
Adquirir conhecimentos que capacitem os Enfermeiros para a tomada de decisão no processo de avaliação e intervenção familiar, especialmente nos processos de transição de especial complexidade;
Integrar os Modelos de Avaliação e Intervenção Familiar na praxis como garantia do desenvolvimento de boas práticas;
Perspetivar situação de especial complexidade formulando respostas adequadas aos processos de transições familiares.

Plano de Estudos

Estrutura Curricular

Unidade Curricular Área Científica Ano Curricular Docentes Horas de trabalho Créditos
Total Contacto
T TP PL TC S E OT O
Fundamentos de Enfermagem de Saúde Familiar 723 Semestral
150 20 20 6
Ciclo Vital, Diferentes Níveis de Prevenção na Família 723 Semestral
150 20 20 6
Teorias e Modelos de Avaliação e Intervenção Familiar 723 Semestral
150 30 15 20 6
A Família como Unidade de Cuidados 723 Semestral
150 40 25 6
Comunicação e Interação em Enfermagem 723 Semestral
150 10 30 6

Documentos

Impressos

Atualização de Dados Pessoais

Declaração de Presença

Declaração sob Compromisso de Honra – Bolseiros

Justificação de Faltas

Levantamento/Receção de Documentos

Pedido de Frequência a Unidades Curriculares em Atraso

Pré-Requisitos

Os pré-requisitos exigidos para acesso aos cursos constantes do Grupo A visam comprovar a capacidade de comunicação interpessoal dos candidatos, adequada às exigências do curso. O pré-requisito é de seleção, sendo o respetivo resultado expresso em Apto ou Não Apto, não influindo no cálculo da nota de candidatura ao ensino superior.

Impresso comprovativo da satisfação do pré-requisito do Grupo A, a apresentar no ato da matrícula: Regulamento (Impresso)

Pré-Requisitos:
Deliberação n.º 379/2022, de 25 de março de 2022

Prorrogação de Entrega de Trabalhos

Requerimentos

imq*05.02.01 | Candidatura à frequência de unidades curriculares isoladas
imq*05.02.02 | Pedido de alteração/anulação da inscrição em unidades curriculares
imq*05.02.03 | Pedido de frequência de unidades curriculares para melhoria
imq*05.02.04 | Pedido de alteração da inscrição em unidades curriculares após creditação
 imq*05.02.05 | Candidatura à frequência de unidades curriculares isoladas do 2º ciclo para alunos do 1º ciclo
imq*05.02.06 | Candidatura à realização de provas especialmente adequadas a avaliar a capacidade para a frequência do ensino superior dos maiores de 23 anos
imq*05.02.07 | Candidatura a reingresso ou a mudança de par instituição/curso
imq*05.02.08 | Candidatura a concurso especial
imq*05.02.09 | Candidatura a curso de mestrado
imq*05.02.10 | Candidatura a curso de pós-graduação
imq*05.02.11 | Candidatura a curso de pós-licenciatura
imq*05.02.12 | Pedido de documentos
imq*05.02.13 | Certificado de matrícula
imq*05.02.15 | Pedido de cargas horárias e de conteúdos programáticos
imq*05.02.16 | Pedido de declaração comprovativa de local de estágio
imq*05.02.17 | Pedido de inscrição em regime de tempo parcial
imq*05.02.18 | Pedido de anulação de matrícula
imq*05.02.19 | Pedido de retorno após prescrição
imq*05.02.20 | Pedido de estatuto de trabalhador estudante
imq*05.02.21 | Pedido de estatuto especial
imq*05.02.22 | Pedido de creditação
imq*05.02.22a| Pedido de creditação – anexo
imq*05.02.23 | Pedido de creditação de unidades curriculares isoladas
imq*05.02.24 | Plano de creditação curso de licenciatura/mestrado
imq*05.02.25 | Plano de creditação para curso técnico superior profissional
imq*05.02.26 | Pedido de definição previa de curriculum para prosseguimento de estudos
imq*05.02.27 | Pedido de reembolso
imq*05.02.28 | Requerimento para realização de provas públicas de defesa de dissertação, de trabalho de projeto ou de relatório final de estágio (2º ciclo)
imq*05.02.29 | Requerimento para realização de provas públicas de defesa de dissertação, de trabalho de projeto ou de relatório final de estágio após reformulação (2º ciclo)
imq*05.02.30 | Termo de responsabilidade
imq*05.02.31 | Autorização para arquivo e disponibilização de trabalho final do 2º ciclo no repositório digital
imq*05.02.32 | Acordo de compromisso para o pagamento faseado de propinas em divida
imq*05.02.33 | Pedido de relevação de faltas
imq*05.02.34 | Inscrição em exames
imq*05.02.35 | Pedido de mudança de regime
imq*05.02.36 | Candidatura a curso(s) de técnico superior profissional
imq*05.02.37 | Candidatura de estudante internacional
imq*05.02.38 | Entrega de exemplares de dissertação, de trabalho de projeto ou de relatório final de estágio 2º ciclo, após aceitação
imq*05.02.39 | Entrega de exemplares de dissertação, de trabalho de projeto ou de relatório final de estágio 2.º ciclo, após prova pública de defesa
imq*05.02.40 | Requerimento para aceitação de proposta de dissertação 2.º ciclo
imq*05.02.41 | Requerimento para a realização de provas de defesa de relatório final de curso de pós-licenciatura de especialização em enfermagem
imq*ESSV.SAC.2022 | Requerimento para a realização de provas públicas de defesa de relatório final de curso de pós-licenciatura de especialização em enfermagem, após reformulação

Avisos

Calendário de Exames

Início das Atividades Letivas

Matrículas

Regulamentos

Regulamento do Curso

Regulamento de Creditação

Outros Regulamentos

Apoios Especiais
Aplicação do Sistema de Créditos
Aplicação do Suplemento ao Diploma
Associativismo Jovem – Estatuto Dirigente Associativo Jovem
Atribuição de Benefícios de Apoio ao Mérito Desportivo do Instituto Politécnico de Viseu
Atribuição de Bolsas de Estudo a Estudantes do Ensino Superior
Atribuição de Bolsas de Mérito
Bolsa de Colaboradores do IPV
Código de Boas Práticas e de Conduta do Instituto Politécnico de Viseu
Estatuto do Estudante Atleta do Ensino Superior
Estudante Atleta do Instituto Politécnico de Viseu
Estatuto do Estudante Internacional
Estatuto Especial – Apoio Social a Mães e Pais Estudantes
Estatuto Especial – Apoio Social a Mães e Pais Estudantes – 1.ª Alteração
Orientação Tutorial
Orientações para Apresentação dos Estudantes da ESSV em Ensino Clínico e Aulas Práticas Laboratoriais
Planos de regularização de dívidas de propinas do Instituto Politécnico de Viseu
Prescrições
Programa Vasco da Gama
Propinas – Regulamento
Propinas – Tabela 2022/2023
Propinas – Regulamento dos planos de regularização de dívidas de propinas do IPV
Provas Especialmente Destinadas aos Maiores de 23 Anos
Reconhecimento de Graus e Diplomas Estrangeiros
Regimes de Reingresso e Mudança de Par Instituição/Curso do IPV
Regime de Tempo Parcial
Repositório
Unidades curriculares isoladas
Unidades curriculares isoladas – Declaração de retificação
Utilização dos Armários/Vestuários dos Alunos em Estágio
Utilização dos Cacifos Instalados na Escola

Condições de acesso

Podem candidatar-se ao acesso ao Curso de Pós-Graduação em Enfermagem de Saúde Familiar:
a) Titulares do grau de licenciado em Enfermagem ou equivalente legal;
b) Titulares de um grau académico superior estrangeiro em Enfermagem conferido na sequência de um 1.º ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente a este Processo;
c) Titulares de um grau académico superior estrangeiro em Enfermagem que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo órgão científico estatutariamente competente da instituição de ensino superior onde pretendem ser admitidos;
d) Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para realização deste ciclo de estudos pelo órgão científico estatutariamente competente da instituição de ensino superior onde pretendem ser admitidos.

Acreditação Ordem dos Enfermeiros
Código curso
9991
Candidatura on-line
Portal do candidato
Publicidade
Panfleto
Avisos

Idioma
Português
Duração
1 semestre
Regime
Tempo inteiro
ECTS
30
Coordenador de curso
Isabel Bica, PhD
email
Taxa de candidatura
20,00€
Taxas de matrícula
Inscrição – 100,00€
Seguro Escolar – 4,36€
Propinas
750,00€/por edição
(podendo ser pago em 5 prestações)
PT