Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem Médico-Cirúrgica

Apresentação do curso

O curso de pós-licenciatura em enfermagem médico-cirúrgica visa assegurar a aquisição e/ou o desenvolvimento de competências científicas, técnicas, relacionais, éticas e de investigação para intervir na prestação de cuidados na área clínica de enfermagem médico-cirúrgica. O curso pretende também habilitar os estudantes para integrarem equipas multidisciplinares no sentido de contribuírem para a promoção do mais elevado nível de saúde da população e capacitar para o desenvolvimento da investigação na área da enfermagem médico-cirúrgica, contribuindo para a criação de evidências científicas. Pretende ainda a Escola, para além de potenciar o desenvolvimento de boas práticas em contexto de trabalho, preparar enfermeiros que possam actuar na sociedade, que sejam capazes de intervir e de saber lidar com as mudanças sociais e profissionais no futuro e que contribuam para o avanço da profissão de forma a dar resposta às necessidades do indivíduo, família e comunidade. Os resultados de aprendizagem propostos para o Curso assumem como requisito prévio a posse de uma licenciatura em enfermagem. Assim e considerando que os estudantes possuem já as competências estabelecidas para o primeiro nível de formação em enfermagem, pretende-se que as desenvolvam e aprofundem na área de enfermagem médico cirúrgica para que o enfermeiro se afirme como um elemento chave na concepção, gestão e supervisão clínica dos cuidados de maior complexidade.
Este curso confere a habilitação necessária para a obtenção do título profissional de Enfermeiro Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica, conferido pela Ordem dos Enfermeiros.

Objetivos

Com os objectivos deste curso, direccionados para as áreas de enfermagem médico-cirúrgica, pretendemos que os estudantes ao longo do curso desenvolvam capacidade para:
Aplicar os seus conhecimentos de forma aprofundada e sistematizada e a sua capacidade de compreensão e resolução de problemas na área dos cuidados em enfermagem médico-cirúrgica;
Recolher, interpretar e sintetizar a informação relativa à avaliação dos utentes em estado crítico (urgência, emergência e cuidados intensivos) de forma a actuar com padrões de qualidade;
Implementar uma prática especializada em situações de urgência/emergência e em situações de catástrofe de acordo com os princípios éticos, deontológicos e legais do exercício profissional;
Integrar conhecimentos específicos sobre feridas que permitam optimizar as acções para a sua prevenção e para o alcance do melhor tratamento com os melhores resultados;
Analisar as bases científicas da sua intervenção na área da enfermagem médico-cirúrgica e implementar uma prática baseada na evidência;
Comunicar e estabelecer relações interpessoais adequadas para com o indivíduo e a família em situação de crise, bem como na equipa de saúde, motivando e sabendo gerir situações conflituosas;
Colaborar de forma efectiva com equipas transdisciplinares e multidisciplinares, conhecendo o contributo dos outros profissionais e respectivas competências, quer como participante, líder ou consultor no âmbito dos cuidados especializados em enfermagem médico-cirúrgica;
Implementar uma gestão da informação, de capital humano e recursos materiais no sentido de melhor decisão quanto ao consumo de cuidados de saúde;
Compreender, avaliar e contribuir para o desenvolvimento do desempenho dos serviços prestados aos utentes ou populações;
Analisar de forma crítica as teorias e modelos dos conceitos de saúde, promoção e protecção da saúde e prevenção de doenças e incapacidades;
Integrar conhecimentos e compreender de forma aprofundada os problemas fisiológicos, psicológicos, familiares e sociais do doente em situação de doença terminal, que lhe permitam actuar junto do doente, seus familiares e/ou cuidadores;
Reflectir sobre a sua prática e sobre a sua profissão de forma a identificar objectivos pessoais e profissionais tendo em vista o desenvolvimento profissional contínuo e promovendo a aprendizagem ao longo da vida de modo autónomo;
Formular novas questões, seleccionar, planear e implementar estratégias de investigação na área da enfermagem médico-cirúrgica, rever resultados de forma sistematizada e divulgá-los adequadamente.

Plano de Estudos

1.º ANO

Unidade CurricularÁrea CientíficaAno CurricularDocentesHoras de trabalhoCréditos
TotalContacto
TTPPLTCSEOTO
Enfermagem Avançada7231.º SemestreErnestina Silva*
Emília Coutinho
17550257
Gestão em Enfermagem7231.º SemestreOlivério Ribeiro*7520103
 Promoção da Saúde7201.º SemestreCarlos Albuquerque*
Odete Amaral
7520103
Investigação em Enfermagem7231.º SemestreJoão Duarte*
Madalena Cunha
10015304
Comunicação Pessoal e Interpessoal3191.º SemestreSofia Campos7520103
Intervenção em Trauma e Catástrofe7201.º SemestreJoão Duarte*
Mauro Mota
125405
Gestão e Tratamento de Feridas7231.º SemestreJoão Duarte*12530205
Emergências Médico Cirúrgicas7232.º Semestre125605
Enfermagem em Cuidados Intensivos7232.º Semestre7520103
Práticas de Enfermagem Avançada7232.º Semestre17530457
Opção 1 – Estágio de Opção – Enfermagem Perioperatória7232.º Semestre3751803615
Opção 2 – Estágio de Opção – Enfermagem em Neurocirurgia7232.º Semestre3751803615
Opção 3 – Estágio de Opção – Enfermagem em Traumatologia7232.º Semestre3751803615
Opção 4 – Estágio de Opção – Enfermagem em Nefrologia e Técnicas de Substituição Renal7232.º Semestre3751803615
Opção 5 – Estágio de Opção – Enfermagem em Gestão e Tratamento de Feridas7232.º Semestre3751803615
Opção 6 – Estágio de Opção – Enfermagem em Gestão da Qualidade e Segurança7232.º Semestre3751803615

* Titular da Unidade Curricular

2.º ANO

Unidade CurricularÁrea CientíficaAno CurricularDocentesHoras de trabalhoCréditos
TotalContacto
TTPPLTCSEOTO
Estágio com Relatório Final:
Em contexto de urgência;
Em contexto de cuidados intensivos
7233.º Semestre75036012630

Relatório Final

Documentos

Impressos

Declaração de Aceitação do Orientador
Declaração de Integridade Cientifica
Requerimento para a realização de provas de defesa de relatório final de curso de pós-licenciatura de especialização em enfermagem
Termo de responsabilidade
Autorização para arquivo e disponibilização de trabalhos finais do 2º ciclo de estudos no Repositório Digital do IPV

Informação sobre a entrega de trabalhos em formato digital:
Despacho n.º 123/2018 – Trabalhos em formato Digital

Nota – Número de exemplares a entregar:
O n.º de exemplares de dissertações, trabalhos de projetos, relatórios, teses ou trabalhos que a substituam encontra-se definido no Regulamento do Curso respetivo.

Informação – Cursos de Pós-Licenciatura de Especialização em Enfermagem:
Relatório Final – configura um relatório de investigação relacionada com a prática clínica especializada, a desenvolver individualmente ou em grupo, sendo neste caso, constituído no máximo por três estudantes. (Deliberação em Reunião Extraordinária n.º 28 de 22.11.2018, do Conselho Técnico Científico – em complemento do estabelecido no Regulamento dos CLEE, na Secção I, Capítulo VII).

Capas

Exmos. Srs. Professores
Exmos Srs. Estudantes

Encontram-se em PDF editaveis os tipos de capas e de CD para as teses de mestrado e trabalhos de monografia.
Clarifica-se que de acordo com o número de páginas assim será utilizado a capa correspondente. Como exemplo, a um trabalho de 55 páginas corresponde a capa_essv_55.
Para guardar a capa em formato .pdf terá de utilizar a opção de imprimir utilizando a impressora instalada pelo programa por exemplo dopdf. dopdf.
Capa-ESSV-125-Monograph
Capa-CD-ESSV
Folha-Rosto-ESSV- Documento Provisório
Folha de Rosto – Monografia
Capa-ESSV-Sem-Lombada
Capa-ESSV-125
Capa-ESSV-115
Capa-ESSV-105
Capa-ESSV-95
Capa-ESSV-85
Capa-ESSV-75
Capa-ESSV-65
Capa-ESSV-55

Condições de acesso

Os candidatos que preencherem as condições estabelecidas no artigo 12 da Portaria n.º 268/2002 de 13 de março e satisfaçam cumulativamente as seguintes
condições:
a) Ser titular do grau de licenciado em Enfermagem, ou equivalente legal;
b) Ser detentor do título profissional de enfermeiro; (Ordem dos Enfermeiros – Portugal);
c) Ter pelo menos dois anos de experiência profissional como enfermeiro.

Mais informações

Plano de estudos:
Portaria n.º 316/2019

Ordem dos Enfermeiros:
Orientações Gerais para Inscrição na Ordem dos Enfermeiros

Empregabilidade:
Informação estatística: DGEEC

PLEMC
Código curso
3238
Candidatura on-line
Portal do candidato
Publicidade
Panfleto
Avisos
Idioma
Português
Duração
3 semestres
Regime
Tempo inteiro
Vagas
35
ECTS
90
Coordenador de curso
PhD João Duarte
email

Taxa de candidatura
20,00€
Taxas de matrícula
Inscrição – 50,00€ / ano letivo
Seguro Escolar – 4,36€
Propinas
960,00€
Registo DGES
Portaria n.º 120/2010
Data do registo: 26-02-2010
Mais informações
Relatório do Curso

Contactos

R. D. João Crisostomo Gomes de Almeida, n.º 102
3500-843 VISEU - Portugal | GPS: 40.652519, -7.904961
+351 232 419 100
essvgeral@essv.ipv.pt

Siga-nos em

Copyright © 2018
Escola Superior de Saúde | POLITÉCNICO DE VISEU